juma

Juma protagoniza cenas quentes com Joventino em Pantanal

Logo depois de perder a virgindade, Juma irá pedir para ficar prenha de Joventino. A cena deve ir ao ar no capítulo de hoje de Pantanal.

Tempo estimado de leitura: 3 minutos

Sensibilizada pelo emotivo apelo do amigo Velho do Rio, por quem nutre grande admiração, Juma mostrará que até um “bicho” pode mudar de ideia. Em outras palavras, a menina-onça irá superar a aversão a filhos e pedirá a Joventino para ficar prenha já nos próximos capítulos de Pantanal. Esses e outros detalhes eu te conto em seguida, continua comigo.

O que levou Juma a ter medo de ter filhos?

Antes de mais nada, cabe aqui contextualizarmos os motivos que levaram Juma a ter tanto medo de reproduzir. Afinal, ela testemunhou toda a dor e o sofrimento dos pais. Em suma, eles tiveram um outro filho, cuja vida foi ceifada pelo pai de Alcides lá no Paraná. Enfim, toda essa lembrança ruim causou um trauma, que posteriormente levou Juma a associar filhos com dor.

O que a fez mudar de ideia?

Contudo, a estadia do convalescente e persuasivo Velho do Rio na tapera serviu para dissipar toda essa dor. Além de comover a jovem com o caloroso apelo por um bisneto, o Velho do Rio a tranquilizou dizendo que ela não precisava temer nada. Em síntese, a entidade assegurou vigiar para que jamais mal algum atingisse Juma ou a criança.

Enfim, a fala do Velho gerará tanto efeito na Juma que até Joventino se espantará ao encontrá-la tão dócil e receptiva. “Ele disse que eu tô certa em não ir embora daqui. E disse que, se eu der um marruazinho a ele, ele vai pegá ele pela mão, que nem fez comigo quando era pitiquita”, dirá Juma sobre a conversa com o avô de Joventino.

Em seguida, a mocinha finalmente dará vazão a todo amor e atração que sente se declarando a Joventino. “Eu quero ocê, Joventino. Eu quero ficar prenha d’ocê. Quero ter um filho seu”, dirá Juma, já em meio a beijos com o caçula dos Leôncios. Ademais, a consumação do amor do casalzinho ocorre logo depois, na cena seguinte, quando ambos já estarão no rio.

Joventino fica feliz, mas reitera que não fica na tapera

Por fim, é claro que as juras de amor da amada deixarão Joventino nas nuvens. Afinal, a decisão que ele mais queria ouvir dela, ou seja, aceitar dar um filho a ele, aconteceu. Porém, ele se manterá fiel aos seus propósitos e ideais de vida. Em outras palavras, afastará a hipótese de voltar a morar na tapera com Juma.

“Eu não vou te deixar nunca na vida, Juma. Mas eu não posso ficar aqui, com você”, dirá Jove. “Fica mais eu aqui. Eu quero te ter. Eu quero ocê“, insistirá Juma. “Nunca vou cansar de repetir o quanto eu te amo, Juma. O quanto eu sempre te amei, Juma Marruá“, seguirá Joventino, agora já outra vez na tapera. “Se eu subesse que era bão assim, num tinha esperado tanto“, finalizará Juma.

Arthur Machado

Arthur Machado

Arthur é formado em Comunicação Social e Jornalismo pelo Centro Universitário Metodista do Sul IPA. Redator experiente, já atuou também como acessor de imprensa e repórter.