divertida_mente_2

Trailer de Divertida Mente 2 apoia teoria sobre Riley (que a Disney nunca vai confirmar)

A tão aguardada sequência de Divertida Mente promete mergulhar novamente nas complexidades emocionais de Riley, mas o teaser trailer parece sugerir algo mais profundo sobre a identidade da personagem. Enquanto a Disney mantém mistério, uma teoria popular sobre a possível identidade de gênero de Riley ganha força. No entanto, é improvável que a gigante do entretenimento confirme oficialmente essa teoria. Vamos explorar as pistas que o primeiro filme e o trailer de Divertida Mente 2 nos oferecem sobre a verdadeira identidade de Riley.

+ Quer ganhar um teste de até 1 MÊS GRÁTIS DE STREAMING? Clique Aqui e aproveite!

Pistas no Desfecho de Divertida Mente

O ponto de partida para a teoria de que Riley é não-binária ou possivelmente genderfluid remonta ao final de Divertida Mente. Ao longo do primeiro filme, as emoções de Riley são apresentadas tanto de maneira masculina quanto feminina, uma observação que aponta para uma possível identidade de gênero diversa.

No entanto, seria precipitado tirar conclusões com base apenas nas emoções de três personagens. A reviravolta ocorre no final do filme, quando somos apresentados às emoções de outros personagens. Aqui, percebemos que, ao contrário de Riley, as emoções dos demais personagens seguem predominantemente uma única expressão de gênero. Essa consistência se mantém mesmo entre outras crianças da idade de Riley, reforçando a teoria.

Novos Personagens Reforçam a Teoria

O trailer de Divertida Mente 2 introduz novas emoções, como constrangimento, tédio e inveja. No entanto, é a ansiedade que se destaca como a única nova emoção apresentada. Diferentemente das outras cinco emoções, a ansiedade é o primeiro personagem aparentemente neutro em termos de gênero.

Sua voz é andrógina, e seu penteado foge dos estereótipos de gênero, adotando um visual despojado e sem rótulos. Além disso, a vestimenta da ansiedade segue as tendências de moda queer e não-binária, com um suéter largo listrado, calças largas e sapatos que desafiam categorizações tradicionais. Cada elemento, quando observado individualmente, poderia ser uma coincidência, mas juntos, reforçam a teoria.

Disney e a Relutância em Confirmar

Apesar das evidências no desfecho de Divertida Mente e do suporte do trailer de Divertida Mente 2, é altamente improvável que a Disney oficialize a teoria sobre a identidade de gênero de Riley. A empresa tem sido cautelosa ao lidar com personagens LGBTQ+, limitando-se a representações de orientações sexuais queer, não de identidades de gênero.

Mesmo que a Pixar, conhecida por ser progressista, queira confirmar a identidade não-binária de Riley, a pressão do clima político atual pode impedi-los. O receio de críticas negativas e repercussões transofóbicas provavelmente os levará a continuar sugerindo pistas, como já fizeram em Divertida Mente.

A jornada emocional de Riley continua a cativar espectadores, mas sua verdadeira identidade permanece um enigma. Enquanto as entrelinhas de Divertida Mente e as sugestões no trailer de Divertida Mente 2 alimentam especulações sobre uma Riley não-binária, a Disney, por motivos políticos e de mercado, opta por manter silêncio.

Independentemente de confirmações oficiais, a teoria sobre a identidade de gênero de Riley destaca a importância de representações diversas no cinema, provocando reflexões sobre aceitação e inclusão em narrativas voltadas para todas as idades.

Gostou do nosso conteúdo? Acompanhe-nos no Google News e não perca nenhuma notícia.

Magui Schneider

Magui Schneider

Bacharel em Psicologia pela Faculdade IENH; especialista em Saúde Mental e Atenção Psicossocial pela Universidade Estácio de Sá.

Fã de filmes e séries investigativos, suspense psicológico, comédias, dramas e ação.

Minhas séries favoritas são La Casa de Papel, The Sinner, Sense8, Stranger Things, O Mundo Sombrio de Sabrina, Black Mirror, Lúcifer, Orange Is The New Black, Vis a Vis, Desejo Sombrio, Três Vidas, entre outras.

Já meus filmes favoritos são Jurassik Park, Bird Box, O Limite da Traição, Imperdoável, entre outros.
Amo os filmes de ação com The Rock.

Para relaxar, gosto de uma boa comédia pastelão, incluindo As Branquelas e Os Farofeiros. E como fã incondicional de Paulo Gustavo, sou muito fã de todos os filmes "Minha Mãe é uma Peça".