divergente

O Fim Prematuro da Série Divergente: Por que Ascendant nunca viu a Luz do Dia?

O cancelamento de Ascendant foi um golpe para os fãs que esperavam ver a conclusão épica da jornada de Tris e seus companheiros.

A saga cinematográfica de Divergente deveria ter sido uma jornada épica pelo mundo distópico criado por Veronica Roth. No entanto, a série de filmes baseada nos populares romances de ficção científica juvenil teve um destino prematuro. E assim, deixou os fãs com mais perguntas do que respostas.

Desde o cancelamento do quarto filme, intitulado Ascendant, até as discussões sobre uma possível reinicialização da franquia, a história por trás do fim abrupto da série continua a intrigar os cinéfilos e os fãs dos livros.

+ Quer ganhar um teste de até 1 MÊS GRÁTIS DE STREAMING? Clique Aqui e aproveite!

O Declínio Financeiro de Allegiant e a Decisão de Ascendant para TV

O fim da série Divergente começou a se desenhar com o lançamento de Allegiant, o terceiro filme da franquia. Embora os dois primeiros filmes tenham sido relativamente bem-sucedidos nas bilheterias, o retorno financeiro de Allegiant ficou aquém das expectativas dos estúdios. Com uma receita consideravelmente menor do que o filme anterior, os executivos decidiram que não podiam mais justificar os altos custos de produção associados à série.

Com planos já em andamento para dividir o último livro da trilogia em dois filmes, o cancelamento de Ascendant foi um golpe para os fãs. Afinal, a história ficou sem uma conclusão na telona. Em vez disso, foi anunciado que Ascendant seria transformado em um filme para TV, encerrando assim abruptamente a jornada cinematográfica de Tris e seus companheiros.

Desinteresse do Elenco e Críticas Negativas: Fatores Contribuintes

Uma das razões principais por trás do fracasso de Ascendant foi o desinteresse do elenco principal em participar de uma adaptação para TV. Estrelas como Shailene Woodley, Miles Teller e Zoë Kravitz expressaram sua falta de entusiasmo em migrar dos cinemas para a televisão, especialmente para um projeto que não estava garantido como uma série contínua.

Além disso, a recepção crítica negativa dos filmes também desempenhou um papel crucial no destino da série. Embora tenham tido um sucesso moderado nas bilheterias, os filmes de Divergente receberam críticas cada vez piores à medida que a série avançava, o que afetou tanto o moral do elenco quanto a confiança dos estúdios na viabilidade da franquia.

O Futuro Incerto da Franquia Divergente

Apesar do fim abrupto da série de filmes, os fãs ainda mantêm a esperança de ver Divergente retornar às telas de alguma forma. Com o ressurgimento de franquias populares em plataformas de streaming, como o recente reboot de Percy Jackson no Disney+, há especulações de que Divergente poderia seguir o mesmo caminho.

No entanto, por enquanto, Ascendant permanece como uma promessa não cumprida e um lembrete dos desafios enfrentados pelas adaptações cinematográficas de romances de YA. A série Divergente pode ter terminado prematuramente. Porém, seu legado continua a ecoar entre os fãs que anseiam por um desfecho adequado para a jornada de Tris e seus aliados. Enquanto Hollywood continua a buscar novas narrativas e franquias, apenas o tempo dirá se o mundo de Divergente ressurgirá das cinzas ou permanecerá como uma lembrança do que poderia ter sido.

Gostou do nosso conteúdo? Acompanhe-nos no Google News e não perca nenhuma notícia.

Magui Schneider

Magui Schneider

Bacharel em Psicologia pela Faculdade IENH; especialista em Saúde Mental e Atenção Psicossocial pela Universidade Estácio de Sá.

Fã de filmes e séries investigativos, suspense psicológico, comédias, dramas e ação.

Minhas séries favoritas são La Casa de Papel, The Sinner, Sense8, Stranger Things, O Mundo Sombrio de Sabrina, Black Mirror, Lúcifer, Orange Is The New Black, Vis a Vis, Desejo Sombrio, Três Vidas, entre outras.

Já meus filmes favoritos são Jurassik Park, Bird Box, O Limite da Traição, Imperdoável, entre outros.
Amo os filmes de ação com The Rock.

Para relaxar, gosto de uma boa comédia pastelão, incluindo As Branquelas e Os Farofeiros. E como fã incondicional de Paulo Gustavo, sou muito fã de todos os filmes "Minha Mãe é uma Peça".