o-ano-em-que-comecei-a-vibrar-por-mim

Esta comédia dramática vai te deixar VIBRANDO na frente da telinha

O filme fala sobre a reconquista do amor perdido, a partir de uma jornada de autoconhecimento para entender quem se é no mundo.

O ano em que comecei a vibrar por mim conta a história envolvente sobre uma mulher em busca de sua identidade e felicidade, explorando temas como relacionamentos, maternidade e autoaceitação. O filme promete ser uma mistura de comédia e drama, abordando as complexidades da vida adulta e as reviravoltas emocionais que acompanham as decisões que tomamos. E o sucesso é tanto, que o filme já está no TOP 10 da Netflix, entre as produções mais assistidas. Abaixo, confira os detalhes da trama.

+ Quer ganhar um teste de até 1 MÊS GRÁTIS DE STREAMING? Clique Aqui e aproveite!

Ficha Técnica de O Ano em que Comecei a Vibrar por Mim

  • Gênero: Comédia Dramática
  • Diretor: Érika Wasserman
  • Elenco: Katia Winter, Jesper Zuschlag, Nour El Refai, Henrik Dorsin, Bahar Pars
  • Produtor: Erika Wasserman, Frida Mårtensson, Nina Bisgaard
  • Roteiro: Christin Magdu
  • Fotógrafo: Niels Buchholzer
  • Produtora: Gimme uma pausa
  • Distribuição: Scanbox Entretenimento
  • Lançamento: 21 de outubro de 2022
  • País: Suécia
  • Idioma: Sueco, dinamarquês
  • Duração: 100 minutos

Sinopse

Este filme sueco de comédia dramática, intitulado “O Ano em que Comecei a Vibrar por Mim”, segue a história de Hanna, uma mulher ambiciosa e determinada a alcançar todos os seus objetivos. Ela acredita que ter mais um filho é a chave para ter a vida perfeita.

No entanto, quando seu namorado termina o relacionamento, Hanna se vê sem emprego, família ou um lugar para morar. Diante dessa adversidade, ela começa a repensar suas escolhas passadas, mas se recusa a aceitar a derrota. Com o objetivo de reconquistar seu amado, ela embarca em uma jornada de autodescoberta e aprendizado.

Trailer de O Ano em que Comecei a Vibrar por Mim

Elenco

  • Katia Winter como Hanna
  • Jesper Zuschlag como Morten
  • Nour El Refai como Carolin
  • Henrik Dorsin como Staffan
  • Bahar Pars como Leyla
  • Vera Carlbom – Vida
  • Hannes Fohlin como Adam
  • Siw Erixon como Eva
  • Antonio Di Ponziano como Marco
  • David Wiberg como Ola
  • Pablo Leiva Wenger como Ali
  • Sara Shirpey como Asrin
  • Albin Grenholm como Petter
  • Disa Östrand como Louise
  • Happy Jankell – garçonete

Recepção Crítica de O Ano em que Comecei a Vibrar por Mim

No IMDb, o filme recebeu uma nota 5.2 de 10.

Gostou do nosso conteúdo? Acompanhe-nos no Google News e não perca nenhuma notícia.

Magui Schneider

Magui Schneider

Bacharel em Psicologia pela Faculdade IENH; especialista em Saúde Mental e Atenção Psicossocial pela Universidade Estácio de Sá.

Fã de filmes e séries investigativos, suspense psicológico, comédias, dramas e ação.

Minhas séries favoritas são La Casa de Papel, The Sinner, Sense8, Stranger Things, O Mundo Sombrio de Sabrina, Black Mirror, Lúcifer, Orange Is The New Black, Vis a Vis, Desejo Sombrio, Três Vidas, entre outras.

Já meus filmes favoritos são Jurassik Park, Bird Box, O Limite da Traição, Imperdoável, entre outros.
Amo os filmes de ação com The Rock.

Para relaxar, gosto de uma boa comédia pastelão, incluindo As Branquelas e Os Farofeiros. E como fã incondicional de Paulo Gustavo, sou muito fã de todos os filmes "Minha Mãe é uma Peça".