nas-profundezas-do-mar-sem-fim

Drama com Michelle Pfeiffer está entre os filmes mais assistidos da Netflix

Embora o filme dramático tenha sido lançado em 1999, ele está fazendo o maior sucesso entre os assinantes da Netflix.

O filme Nas Profundezas do Mar Sem Fim está disponível na plataforma de streaming Netflix e tem chamado a atenção dos assinantes. O drama, que foi lançado originalmente em 1999, entrou para o Top 10 de filmes mais assistidos da plataforma.

Estrelado por Michelle Pfeiffer e Treat Williams, o longa conta a história de uma mãe que tem seu filho de três anos raptado em um hotel e passa anos procurando por ele. Agora, vamos conhecer um pouco mais sobre o sucesso do filme e algumas curiosidades sobre a produção.

Ficha Técnica de Nas Profundezas do Mar Sem Fim

  • Título original: The Deep End of the Ocean
  • Ano: 1999
  • Duração: 1h 46min
  • Gênero: Drama
  • Direção: Ulu Grosbard
  • Roteiro: Stephen Schiff
  • Produção: Kate Guinzburg, Steve Nicolaides
  • Música: Elmer Bernstein
  • Fotografia: Stephen Goldblatt
  • Edição: John Bloom, Lee Percy
  • Estúdio: Columbia Pictures
  • Distribuição: Sony Pictures
  • País: Estados Unidos

Sinopse

Nas Profundezas do Mar Sem Fim é um filme dramático baseado no romance homônimo de Jacquelyn Mitchard. A história segue a vida de Beth Cappadora, uma mãe dedicada que se distrai por um momento em um hotel, apenas para descobrir que seu filho Ben de três anos desapareceu. O desaparecimento de Ben tem um impacto enorme na vida de Beth e de sua família, incluindo

Elenco de Nas Profundezas do Mar Sem Fim

  • Michelle Pfeiffer como Beth Cappadora
  • Treat Williams como Pat Cappadora
  • Whoopi Goldberg como Candy Bliss
  • Jonathan Jackson como Vincent Cappadora
  • Cory Buck como Ben Cappadora (aos 3 anos)
  • Michael McElroy como Ben Cappadora (aos 12 anos)

Trailer

Bilheteria de Nas Profundezas do Mar Sem Fim

O filme foi lançado em 1999 e arrecadou cerca de US$ 28 milhões em todo o mundo.

Recepção Crítica

O filme recebeu críticas mistas dos críticos de cinema. Enquanto alguns elogiaram as atuações de Pfeiffer e Williams, outros criticaram o roteiro por não ser tão emocionante quanto o livro. No entanto, a atuação de Pfeiffer foi amplamente elogiada, e ela foi indicada ao Screen Actors Guild Award de Melhor Atriz.

Gostou do nosso conteúdo? Acompanhe-nos no Google News e não perca nenhuma notícia.

Magui Schneider

Magui Schneider

Bacharel em Psicologia pela Faculdade IENH; especialista em Saúde Mental e Atenção Psicossocial pela Universidade Estácio de Sá.

Fã de filmes e séries investigativos, suspense psicológico, comédias, dramas e ação.

Minhas séries favoritas são La Casa de Papel, The Sinner, Sense8, Stranger Things, O Mundo Sombrio de Sabrina, Black Mirror, Lúcifer, Orange Is The New Black, Vis a Vis, Desejo Sombrio, Três Vidas, entre outras.

Já meus filmes favoritos são Jurassik Park, Bird Box, O Limite da Traição, Imperdoável, entre outros.
Amo os filmes de ação com The Rock.

Para relaxar, gosto de uma boa comédia pastelão, incluindo As Branquelas e Os Farofeiros. E como fã incondicional de Paulo Gustavo, sou muito fã de todos os filmes "Minha Mãe é uma Peça".