a-sociedade-da-neve

Novo filme da Netflix, baseado em fatos reais, promete te arrepiar

Em breve, a Netflix nos presenteará com uma história de sobrevivência inacreditável, mas tristemente real. “A Sociedade da Neve” leva o espectador a reviver o desastre do Voo 571 da Força Aérea Uruguaia e a incrível luta pela sobrevivência na Cordilheira dos Andes. A história, que remonta a 1972, demonstra o poder do espírito humano e até onde ele pode ir para se manter vivo.

Origem da Tragédia de a-sociedade-da-neve

A narrativa centra em uma equipe de rúgbi uruguaia em viagem ao Chile. Em 13 de outubro de 1972, durante seu voo, a aeronave encontrou seu destino trágico na Cordilheira dos Andes. Dos 45 passageiros a bordo, 29 sobreviveram ao impacto inicial. O que se seguiu foi uma batalha agonizante contra as adversidades.

Por três meses, em meio à neve e ao frio cortante, o grupo enfrentou condições extremas e tomou decisões impensáveis, como recorrer ao canibalismo, para garantir a sobrevivência. Seu resgate, um verdadeiro milagre, ocorreu somente em 23 de dezembro de 1972.

Uma Adaptação Aguardada

O projeto se inspira no livro “Tenía que sobrevivir”, escrito em parceria pelo Dr. Roberto Canessa. Em suma, ele é um dos sobreviventes da tragédia, assim como o jornalista uruguaio Pablo Vierci. Este material serviu como base para J.A. Bayona, aclamado diretor de “O Impossível” e “Jurassic World: Reino Ameaçado”, construir seu roteiro cinematográfico. Bayona não apenas dirigiu mas também colaborou na escrita do roteiro com Bernat Vilaplana, Jaime Marques e Nicolás Casariego.

O elenco do filme é estelar, contando com nomes como Enzo Vogrincic, Matías Recalt, Agustín Pardella e muitos outros. Uma curiosidade é a participação de Carlos Páez, um dos sobreviventes, que interpreta seu próprio pai, o renomado artista uruguaio Carlos Páez Vilaró.

Quando A Sociedade da Neve estreia?

O filme está gerando grande expectativa, e sua estreia mundial está marcada para o prestigioso Festival de Cinema de Veneza em 9 de setembro de 2023, onde será apresentado como filme de encerramento.

Além disso, “A Sociedade da Neve” também será exibido na seção “Pearl” no Festival de Cinema de San Sebastián. Quanto ao lançamento na Netflix, a data ainda permanece um mistério, mantendo os fãs em antecipação.

“A Sociedade da Neve” promete não apenas emocionar, mas também fazer o público refletir sobre a força do espírito humano e os limites da resiliência. Esta adaptação é uma homenagem àqueles que enfrentaram o inimaginável e sobreviveram para contar sua história. Em um mundo em que histórias reais muitas vezes superam a ficção, este filme é certamente um testemunho dessa verdade.

Por fim, enquanto a estreia não acontece, veja a seguir o trailer da produção:

Gostou do nosso conteúdo? Acompanhe-nos no Google News e não perca nenhuma notícia.

Magui Schneider

Magui Schneider

Bacharel em Psicologia pela Faculdade IENH; especialista em Saúde Mental e Atenção Psicossocial pela Universidade Estácio de Sá.

Fã de filmes e séries investigativos, suspense psicológico, comédias, dramas e ação.

Minhas séries favoritas são La Casa de Papel, The Sinner, Sense8, Stranger Things, O Mundo Sombrio de Sabrina, Black Mirror, Lúcifer, Orange Is The New Black, Vis a Vis, Desejo Sombrio, Três Vidas, entre outras.

Já meus filmes favoritos são Jurassik Park, Bird Box, O Limite da Traição, Imperdoável, entre outros.
Amo os filmes de ação com The Rock.

Para relaxar, gosto de uma boa comédia pastelão, incluindo As Branquelas e Os Farofeiros. E como fã incondicional de Paulo Gustavo, sou muito fã de todos os filmes "Minha Mãe é uma Peça".