- Publicidade -

Filme da Netflix faz críticas à situação do Brasil durante a pandemia

0

O novo filme da Netflix, “Não olhe para cima”, retrata o negacionismo em sua íntegra e o perigo que este posicionamento pode trazer para toda uma população, ao acreditarem em mensagem erradas e informações desnecessárias. O novo filme da Netflix retrata muitas das semelhanças enfrentadas pelo Brasil durante a pandemia, uma delas e a principal, é o negacionismo. 

- Publicidade -

Em suma, todos acreditam no filme que apenas o fato de não querer enxergar irá eliminar a possibilidade o meteoro existir. Esse foi um dos maiores problemas enfrentados pelo Brasil, pode-se inclusive fazer uma certa relação a alguns personagens da trama com alguns personagens reais que foram grandes pivôs das mortes em massa pelo país.

Neste filme da Netflix, acompanhamos uma dupla de cientistas que descobre uma eminente colisão da Terra com um asteroide de grande porte, que pode exterminar a humanidade e tudo o que conhecemos como planeta. Abaixo confira os detalhes.

VEJA TAMBÉM:

Filme da Netflix faz críticas à situação do Brasil durante a pandemia

Apesar da inspiração ser no governo brasileiro, a história acontece nos Estados Unidos da América e conta com a presença Meryl Streep como Janie Orlean. Em suma, está personagem é uma governante alienada e que acredita que o fato de ignorar a ciência, fará o problema desaparecer.

Além disso, outra situação bastante intrigante durante o filme é a discussão de Kate Dibiasky, interpretada por Jennifer Lawrence, com os âncoras de um famoso jornal, que levam na brincadeira o modo como o mundo está enfrentando com esta colisão.

- Publicidade -

A cena do filme da Netflix viralizou as redes sociais até chegar na cena real, que dá inspiração a vivência da atriz Jennifer Lawrence. E a inspiração para essa cientista cheia de opinião e que não foi levada a sério por pessoas que deveriam levar a informação, foi a microbiologista Natalia Pasternak, que no auge da pandemia enfrentou pela mesma situação.

Em suma, durante um telejornal da TV Cultura, a Drª. Natalia Pasternak, recebeu uma pergunta desnecessária para o momento. É dito isso, pois estávamos com um alto índice de mortes diário e o negacionismo como sempre, comprometeu a segurança e saúde de todos.

Foi com essa cena de caos nacional que os ancoras que a receberam fizeram humor com a pandemia, na tentativa de amenizar os efeitos. Diante disso, a microbiologista demonstra seu desagrado e compartilha sua opinião sobre a brincadeira de mal gosto com todos da mesa, em rede nacional e ao vivo.

A mesma cena é retratada no filme com Jennifer Lawrence. Ela se irrita com as piadas dos âncoras sobre a colisão do asteroide e o extermínio da raça humana. E por isso, ela deixa o telejornal ao vivo. Por fim, após a comparação e a semelhança entre as cenas, a Drª. Natalia Pasternak agradeceu imensamente aos atores e diretores do filme, que mostram na trama o quanto o negacionismo pode ser destruidor.

Enfim, curtiu a matéria?

Então, siga a gente no Google News. Além disso, convidamos você a nos seguir nas redes sociais Twitter, Instagram e Facebook para ficar por dentro de tudo que rola no mundo das séries e filmes.

Comentários
Carregando...

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Você pode cancelar, se desejar. Aceitar