House of the Dragon Got

Grande notícia para quem aguarda a 2ª temporada de A Casa do Dragão

A 2ª temporada de A Casa do Dragão terá episódios mais frenéticos, garante diretora do programa. Em entrevista ao The Hollywood Reporter, Clare Kilner explicou que a diminuição na quantidade de capítulos ajuda a manter o ritmo da série. Para o próximo ano, a derivada de Game of Thrones contará com oito episódios ao invés de dez.

“Nós temos oito episódios maravilhosos, e tanta coisa acontece em cada um deles que, às vezes, temos dificuldade de mantê-los abaixo de uma hora de duração. A decisão do Ryan [Condal, showrunner] foi ter um bom episódio de abertura e um bom episódio de fechamento, e todos os capítulos entre eles estão cheios até a boca de eventos excitantes de um ponto de vista emocional e visual“, disse ela.

Em suma, A Casa do Dragão apresentou aos fãs de Westeros uma nova versão do continente de Game of Thrones. A trama adapta o livro Fogo & Sangue, também do autor George R. R. Martin, que tem na Dança dos Dragões o principal arco. A primeira temporada protagonizou diversos saltos temporais, mas acompanhou a jornada de Rhaenyra Targaryen como sucessora ao Trono de Ferro.

Abaixo, assista ao trailer oficial da série.

Episódios de A Casa do Dragão não sofrem impacto com as greves

A segunda temporada de A Casa do Dragão não sofreu o impacto da greve dos atores. De acordo com a Variety, o programa pode seguir com as gravações no Reino Unido apesar da decisão do sindicato da categoria. Em suma, o elenco da série é composto quase inteiramente por atores do Reino Unido. Portanto, trabalham sob um sindicato diferente, o Equity.

A greve dos atores começou de forma oficial no dia 13 de julho deste ano. A última rodada de negociações entre o sindicato dos atores de Hollywood (SAG-AFTRA) e os representantes dos grandes estúdios (AMPTP) terminou sem acordo.

Além disso, a maior parte do elenco de A Casa do Dragão não tem vínculo com a SAG-AFTRA. Portanto, as imposições de greve não afetam aos profissionais do Reino Unido. Eles trabalham sob as condições do Equity, sindicato da categoria no país europeu. Inclusive, a entidade apoiou a greve nos Estados Unidos. Contudo, não pode garantir as mesmas condições legais.

Gostou do nosso conteúdo? Acompanhe-nos no Google News e não perca nenhuma notícia.

Victor Eduardo

Victor Eduardo

Victor Eduardo é jornalista formado pela PUC do Rio Grande do Sul desde agosto de 2021! Ao todo, tem experiência em reportagem, comunicação institucional e assessoria de imprensa. Atualmente, divide o tempo de trabalho com a leitura e com a cozinha, hobby que desenvolveu durante a pandemia por Covid-19. Atua como jornalista sob o registro profissional 20810/RS.