depois_daquela-montanha

O filme Depois Daquela Montanha é baseado em fatos reais?

O tema da sobrevivência após uma tragédia continua a cativar o público enquanto testa a resiliência do espírito humano.

Idris Elba e Kate Winslet, dois proeminentes atores britânicos, ocupam o centro do palco em Depois Daquela Montanha, um emocionante drama de sobrevivência entrelaçado com um romance aparentemente forçado ambientado em uma paisagem invernal.

Baseado no romance homônimo de Charles Martin, o filme é dirigido por Hany Abu-Assad, um cineasta holandês-palestino conhecido por seu trabalho em Paradise Now e Omar. Abaixo, confira os detalhes da trama, e se a história é real.

+ Quer ganhar um teste de até 1 MÊS GRÁTIS DE STREAMING? Clique Aqui e aproveite!

Sinopse de Depois Daquela Montanha

O Dr. Ben Bass e a escritora Alex Martin encontram-se presos no terreno nevado de uma montanha após a queda de um avião. Os dois estranhos formam uma aliança para sobreviver até que o resgate chegue, mas logo percebem que a ajuda não virá. Eles embarcam em uma jornada pelas vastas terras, determinados a retornar à civilização e a seus lares.

Idris Elba, conhecido por seus papéis em Prometheus e Pacific Rim, e Kate Winslet, famosa por suas atuações em Titanic e The Reader, estrelam The Mountain Between Us, um drama que retrata a sobrevivência de dois indivíduos em circunstâncias extremas e completo isolamento do resto do mundo. O filme é dirigido por Hany Abu-Assad, que ganhou reconhecimento por dirigir o drama romântico Omar, entre outros filmes.

O filme pode evocar semelhanças com outras histórias como “Mechanoscript of the Second Origin” em termos de duas pessoas sobrevivendo em um mundo pós-apocalíptico. No entanto, os personagens de Elba e Winslet têm uma vantagem como adultos com um objetivo claro: viajar até encontrar um lugar habitado pela sociedade.

O filme é baseado em fatos reais?

Não, Depois Daquela Montanha, dirigido pelo aclamado cineasta holandês-palestino Hany Abu-Assad, é um drama romântico e desastroso com os atores britânicos Idris Elba e Kate Winslet. O filme é baseado no romance homônimo de 2010 de Charles Martin.

Na trama do filme, quando uma nevasca os encalha em Salt Lake City, dois estranhos concordam em fretar um avião juntos, na esperança de voltar para casa; Ben Payne é um cirurgião talentoso que retorna de uma conferência, e Ashley Knox, uma escritora de revistas, está a caminho de seu casamento. Mas quando uma tragédia impensável acontece, a dupla se vê presa no deserto mais remoto de Utah na calada do inverno, gravemente ferida e a quilômetros da civilização.

Sem comida ou abrigo, e apenas o equipamento de escalada de montanha de Ben para se proteger, as chances de sobrevivência de Ashley e Ben parecem sombrias, mas sua dependência um do outro desencadeia uma conexão imediata, que logo evolui para algo mais. Os dias nas montanhas se tornam semanas, à medida que sua esperança de resgate diminui. Como eles sairão do deserto e, se o fizerem, como essa experiência os mudará para sempre? Comovente e incontestável, The Mountain Between Us reafirmará sua crença no poder do amor para nos sustentar.

Crítica de Depois Daquela Montanha

Ao assistir ao trailer do filme, os espectadores podem entender rapidamente o contexto geral de Depois Daquela Montanha. Um acidente de avião nos picos nevados das Montanhas Rochosas prepara o cenário e, como esperado, os dois sobreviventes devem superar inúmeros desafios para salvar suas vidas, eventualmente encontrando o amor ao longo do caminho.

O tema da sobrevivência após uma tragédia continua a cativar o público enquanto testa a resiliência do espírito humano. Diante das adversidades, os personagens trilham seus caminhos, inventam soluções, cometem erros, vivenciam tensões crescentes, encontram falsas saídas e, por fim, enfrentam um teste maior que os leva à verdadeira solução.

Além da tragédia, Depois Daquela Montanha também incorpora uma trama romântica. O sucesso de bilheteria do filme pode ser atribuído ao elenco e diretor excepcionais. Winslet apresenta uma atuação forte como sempre, com sua personagem passando por uma transformação específica – de ser uma tomadora de decisões para assumir um papel mais vulnerável após o acidente e sofrer uma lesão na perna. Algumas de suas decisões impulsivas são tomadas sem considerar as consequências.

Por outro lado, Elba, inicialmente reservado e fora de seu elemento, gradualmente assume um papel de liderança. Embora não seja do tipo Indiana Jones, sua presença na tela reforça sua imagem cinematográfica de macho alfa. O apelo do filme é reforçado por seu romance inter-racial, que floresce em meio à dureza da tragédia, bem como a inclusão de um cachorro lindo e espirituoso.

Gostou do nosso conteúdo? Acompanhe-nos no Google News e não perca nenhuma notícia.

Magui Schneider

Magui Schneider

Bacharel em Psicologia pela Faculdade IENH; especialista em Saúde Mental e Atenção Psicossocial pela Universidade Estácio de Sá.

Fã de filmes e séries investigativos, suspense psicológico, comédias, dramas e ação.

Minhas séries favoritas são La Casa de Papel, The Sinner, Sense8, Stranger Things, O Mundo Sombrio de Sabrina, Black Mirror, Lúcifer, Orange Is The New Black, Vis a Vis, Desejo Sombrio, Três Vidas, entre outras.

Já meus filmes favoritos são Jurassik Park, Bird Box, O Limite da Traição, Imperdoável, entre outros.
Amo os filmes de ação com The Rock.

Para relaxar, gosto de uma boa comédia pastelão, incluindo As Branquelas e Os Farofeiros. E como fã incondicional de Paulo Gustavo, sou muito fã de todos os filmes "Minha Mãe é uma Peça".