a-Rainha_do_sul

A Rainha do Sul: História Real Por Trás do Filme

Pablo Escobar já se tornou lenda, mas o que se esconde atrás da mulher 'A Rainha do Sul' do narcotráfico? A série nos revela fatos reais!

Figuras como Pablo Escobar já se tornaram lendas, mas, ao contrário das narrativas centradas em homens, a série “Rainha do Sul” da USA Network inova ao colocar uma mulher, Teresa Mendoza, no epicentro dessa trama complexa. A série nos leva a questionar: Será que mulheres realmente desempenharam papéis tão influentes nesse perigoso jogo? Afinal, “Rainha do Sul” é baseada em fatos reais? Vamos explorar essa intrincada conexão entre ficção e realidade.

A série “Rainha do Sul” apresenta Teresa Mendoza, uma mulher que, involuntariamente, mergulha no mundo brutal do narcotráfico, tornando-se uma das traficantes mais temidas e bem-sucedidas. Embora a trama seja envolvente, surge a dúvida sobre a viabilidade dessa situação. Teria uma mulher realmente alcançado tal posição de destaque no negócio das drogas? Para responder a essa questão, é essencial explorar as inspirações por trás da criação de Teresa Mendoza.

+ Quer ganhar um teste de até 1 MÊS GRÁTIS DE STREAMING? Clique Aqui e aproveite!

A Origem de “Rainha do Sul”: Da Caneta de Arturo Pérez-Reverte às Telas

Ao contrário de muitas séries baseadas em fatos reais, “Rainha do Sul” não tem origens na realidade, mas sim na imaginação do autor Arturo Pérez-Reverte. Ele, que atuou como correspondente de guerra por 21 anos, encontrou inspiração em mulheres que demonstraram uma incrível capacidade de sobrevivência em situações extremas. Ao criar Teresa Mendoza, Pérez-Reverte imbuiu a personagem com as características marcantes dessas mulheres.

Embora não tenha baseado Teresa em uma pessoa específica, o autor utilizou suas experiências no mundo violento do tráfico de drogas para construir um cenário autêntico. Isso levanta a questão: se Teresa não é uma figura real, existem mulheres na vida real que conquistaram posições de destaque no negócio das drogas?

As Rainhas Reais do Mundo do Narcotráfico: Marllory Chacon Rossell e Sandra Ávila Beltrán

Embora Teresa Mendoza seja uma criação fictícia, a realidade nos apresenta duas mulheres que conquistaram o título de “Rainhas do Sul” em suas respectivas trajetórias no narcotráfico. Marllory Chacon Rossell, apelidada pela imprensa guatemalteca como a Rainha do Sul, foi reconhecida pelo Departamento do Tesouro dos EUA como “a lavadora de dinheiro mais ativa da Guatemala”. Sua influência alcançou figuras políticas, destacando sua notoriedade no mundo do crime.

marllory
Imagem: Prensa Libre | Edição: Minha Série Favorita

Outra figura real que emergiu como uma das traficantes mais prolíficas é Sandra Ávila Beltrán, apelidada de Rainha do Pacífico. Com ligações familiares importantes no cenário do narcotráfico mexicano, Ávila desfrutou de poder e influência. No entanto, sua queda começou em 2007, quando foi acusada de crimes organizados e conspiração para tráfico de drogas.

Teresa Mendoza
Imagem: CNN / Getty Images | Edição: Minha Série Favorita

“Rainha do Sul” pode ser uma obra de ficção, mas sua narrativa envolvente nos leva a explorar o papel das mulheres no perigoso mundo do narcotráfico. Embora Teresa Mendoza seja fruto da imaginação de Pérez-Reverte, figuras como Marllory Chacon Rossell e Sandra Ávila Beltrán demonstram que, na vida real, mulheres também escreveram capítulos significativos nesse sombrio universo. A série, ao desafiar as convenções de gênero, destaca que, no mundo complexo do narcotráfico, as rainhas também desempenham papéis decisivos.

Gostou do nosso conteúdo? Acompanhe-nos no Google News e não perca nenhuma notícia.

Magui Schneider

Magui Schneider

Bacharel em Psicologia pela Faculdade IENH; especialista em Saúde Mental e Atenção Psicossocial pela Universidade Estácio de Sá.

Fã de filmes e séries investigativos, suspense psicológico, comédias, dramas e ação.

Minhas séries favoritas são La Casa de Papel, The Sinner, Sense8, Stranger Things, O Mundo Sombrio de Sabrina, Black Mirror, Lúcifer, Orange Is The New Black, Vis a Vis, Desejo Sombrio, Três Vidas, entre outras.

Já meus filmes favoritos são Jurassik Park, Bird Box, O Limite da Traição, Imperdoável, entre outros.
Amo os filmes de ação com The Rock.

Para relaxar, gosto de uma boa comédia pastelão, incluindo As Branquelas e Os Farofeiros. E como fã incondicional de Paulo Gustavo, sou muito fã de todos os filmes "Minha Mãe é uma Peça".