a-odisseia_dos_tontos

A Odisseia dos Tontos: Final Explicado da trama argentina

O filme argentino A Odisseia dos Tontos, dirigido por Sebastián Borensztein, apresenta uma trama intricada, contada contra o pano de fundo da crise econômica de 2001 na Argentina. O enredo se desenrola através de reviravoltas emocionantes, traições e esquemas audaciosos, culminando em um final surpreendente. Neste artigo, faremos uma exploração detalhada da trama e do desfecho desta narrativa vibrante.

A Trama e a Queda

A história começa com Fermín Perlassi, sua esposa Lidia e seu amigo Antonio Fontana planejando reabrir uma cooperativa agrícola que faliu na pequena cidade de Villa Alsina. Para realizar o sonho, convencem os moradores a investir, somando 158.000 pesos, depositados no banco local.

Infelizmente, Fermín é enganado pelo gerente do banco, Alvarado, que lhe induz a depositar o dinheiro na conta de um advogado corrupto, Fortunato Manzi, sabendo que uma crise financeira iminente iria congelar todas as contas. Nesta trama manipuladora, Lidia morre e Fermín fica gravemente ferido após um acidente de carro na volta do confronto com Alvarado.

O Plano de Recuperação e a Entrada em Cena de Manzi

Um ano após a tragédia, o grupo descobre que Manzi contratou um trabalhador para cavar um buraco em uma área rural, onde suspeitam que o dinheiro esteja escondido. A partir deste ponto, a trama se transforma em um elaborado plano de roubo para recuperar o dinheiro roubado. Apesar de um sistema de alarme aparentemente impenetrável, Fermín concebe uma estratégia inteligente para desativar o sistema, inspirado em um filme clássico de Hollywood.

A execução do plano é intensa e cheia de ação, culminando em um apagão geral, uma perseguição e uma fuga bem-sucedida com o dinheiro. No entanto, a celebração é amarga, já que Hernán, filho de Carmen, um dos investidores, desaparece com uma grande parte do dinheiro roubado.

O Final: Reviravoltas e Redenção

No final de A Odisseia dos Tontos, apesar da perda do dinheiro por Hernán, os habitantes de Alsina são capazes de reabrir a cooperativa agrícola, transformando uma situação de desespero em uma vitória para a comunidade. Na última cena, Fontana dá a Manzi uma bebida contendo um ingrediente secreto e nojento, simbolizando uma vingança bem-humorada e final contra a corrupção que desencadeou os eventos do filme.

Gostou do nosso conteúdo? Acompanhe-nos no Google News e não perca nenhuma notícia.

Magui Schneider

Magui Schneider

Bacharel em Psicologia pela Faculdade IENH; especialista em Saúde Mental e Atenção Psicossocial pela Universidade Estácio de Sá.

Fã de filmes e séries investigativos, suspense psicológico, comédias, dramas e ação.

Minhas séries favoritas são La Casa de Papel, The Sinner, Sense8, Stranger Things, O Mundo Sombrio de Sabrina, Black Mirror, Lúcifer, Orange Is The New Black, Vis a Vis, Desejo Sombrio, Três Vidas, entre outras.

Já meus filmes favoritos são Jurassik Park, Bird Box, O Limite da Traição, Imperdoável, entre outros.
Amo os filmes de ação com The Rock.

Para relaxar, gosto de uma boa comédia pastelão, incluindo As Branquelas e Os Farofeiros. E como fã incondicional de Paulo Gustavo, sou muito fã de todos os filmes "Minha Mãe é uma Peça".