Os Defensores podem demorar a entrar na Disney+

As séries que surgiram da parceria Marvel e Netflix estão sendo canceladas pouco a pouco. A primeira vítima de cancelamento foi Punho de Ferro, a segunda Luke Cage. Não foi surpresa o cancelamento de ambas, pois não haviam agradado o público. Em compensação, Demolidor, que havia feito uma excelente terceira temporada, foi cancelada logo em seguida, para a surpresa de todos. A partir daí ficou claro que as séries da Marvel não seriam mais produzidas ou disponibilizadas na Netflix. Com base nisso, esperava-se que elas migrassem para o Disney+, serviço de streaming da Disney. Contudo, parece que pode demorar para esta transferência ocorrer

Segundo a Variety, o acordo firmado entre as empresas (Marvel e Netflix) impede que os personagens sejam utilizados em filmes ou séries por pelo menos dois anos. De acordo com o site, o acordo original incluía esta cláusula que determina que os personagens podem ser usados apenas pela Netflix por dois anos após o cancelamento. Isto quer dizer que se a Marvel desejar realizar um reboot das séries já canceladas, só poderia fazê-lo em 2020. Já Jessica Jones, que ainda tem uma temporada confirmada para 2019, se cancelada após o lançamento, só poderá ser utilizada em 2021.

Marvel

Mas, nem tudo são complicações, e um personagem que não participa do grupo “Os Defensores” é exceção à regra. O Justiceiro não fazia parte do acordo original. Então, nada impede que a Marvel utilize o personagem. Claro que dependerá do futuro que será seguido pela série após a sua segunda temporada que estreia em janeiro de 2019. Os Defensores, entretanto, terão de esperar para serem utilizados pela Marvel.

Mas e você? O que acha? Queria que Os Defensores fosse logo rebootado pela Marvel? Comenta!
Comentários
Carregando...

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Você pode cancelar, se desejar. Aceitar